LÍDERES DO FUTURO

QUAL O OBJETIVO DA TRILHA LÍDERES DO FUTURO? Formar líderes T-Shape, efetivos nos resultados e afetivos nos relacionamentos, por meio do desenvolvimento de soft skills alinhados às necessidades do momento atual, marcado por instabilidade, volatilidade, incerteza e ambiguidade.

Durante anos, talvez décadas, temos sido bombardeados com projeções e tendências de futuro, decretando o fim do trabalho com nós o conhecemos. As previsões apontam para o fim de empregos, postos de trabalho, profissões, destacando a inteligência artificial como estratégia de substituição de trabalhos operacionais e repetitivos. Da mesma forma, a inteligência emocional tem sido enfatizada como uma competência essencial para gerar resultados em meio a um contexto digital.

Certamente você já ouviu falar de uma expressão largamente utilizada e que busca traduzir a instabilidade à nossa volta: Mundo VUCA! V, de volátil, U de incerto (uncertain), C de complexo e A de ambíguo. 

 

Pois bem, desde março/2020, com a chegada da pandemia do Covid-19 no Brasil, o mundo VUCA transforma-se de tendência em realidade e, sem pedir licença, invade nossas casas e nossas vidas, trazendo com ele o tão alardeado futuro, bem como sentimentos como medo, angústia e incerteza.

E agora que o futuro chegou de forma tão abrupta,  cabem algumas constatações:

1- O caos é a nova ordem, nada será como antes;

2- As estratégias que levaram empresas e profissionais a serem bem sucedidos até aqui não garantirão sucesso no futuro;

 

3- As relações de trabalho tornar-se-ão ainda mais flexíveis, cada vez mais baseadas na negociação direta, sem intermediação, tendo o home office como o novo normal;

4- A era do comando e controle finalmente chega ao fim, ter uma estrutura horizontal, fluida e ágil torna-se condição de sobrevivência;

 

5- Inteligência emocional, trabalho em rede e accountability consolidam-se como diferencial competitivo.

Em meio a esse turbilhão, de que forma as empresas devem se relacionar com seus colaboradores para obter deles engajamento consistente (antes necessário, agora indispensável) e permanecer relevantes no mercado pós pandemia?

 

Essa nova realidade torna o papel do líder ainda mais essencial. Afinal, eles são percebidos pelos colaboradores como a primeira instância de relacionamento e negociação com a empresa.

Acreditamos que o líder, além do domínio da sua área de atuação, precisará ser igualmente competente em lidar com a instabilidade, gerir suas emoções e a de seus liderados, criar e manter uma cultura de accountability (protagonismo), atuar com mentalidade ágil e cultivar uma gestão humanizada e conectada com os valores dos colaboradores.

Com base no conceito do modelo de carreira T-Shape, elaboramos uma trilha de aprendizagem voltada para o desenvolvimento de soft skills que darão ao líder inputs e repertório consistentes para equilibrar a efetividade dos resultados com a necessária afetividade nos relacionamentos.

Em um mundo extremamente complexo e incapaz de ser previsto e monitorado a única certeza que temos é de que a impermanência veio pra ficar.

A Trilha de Aprendizagem Líderes do Futuro foi pensada com base nessa premissa. Trata-se de uma abordagem colaborativa, prática e multi disciplinar, capaz de aprofundar o processo de auto conscientização e protagonismo iniciado no programa Liderança Consciente

São 4 trilhas centrais reforçadas por Pit Stops Learnings, voltados para o aprofundamento dos temas centrais.

A individualização da aprendizagem é uma alternativa real e se dará por meio de mentoria sob demanda.

Na condução das trilhas contaremos, além da equipe da Gestores de Sonhos, com um time de profissionais especializados nos temas propostas nos Pit Stops, com experiência consolidada em suas áreas de atuação.

Quer ter mais detalhes? Entre em contato com a gente.

Quero saber mais sobre a Trilha Líderes do Futuro

whats icon.png
outlook icon.jpg

Siga a gente:

© 2017 Gestores de Sonhos.